Benzodiazepínico para abstinência de álcool

Benzodiazepínicos são mais eficazes que placebo contra crises de abstinência de álcool, enquanto que possuêm perfis variáveis contra outros tratamentos comumente utilizados.

Esta revisão da Cochrane resume evidências de sessenta e quatro ensaios clínicos controlados e randomizados avaliando a efetividade e segurança dos benzodiazepínicos no tratamento dos sintomas de abstinência de álcool. Os dados disponíveis mostram que os benzodiazepínicos são efetivos contra crises de abstinência de álcool quando comparado ao placebo e tem um benefício potencialmente protetor para muitos desfechos quando comparado com outros fármacos. Os dados sobre os resultados de segurança são escassos e fragmentados.

Conclusão dos autores: 

Benzodiazepínico mostrou um benefício de proteção contra sintomas de abstinência do álcool, em especial nas convulsões, quando comparando ao placebo e um benefício potencialmente protetivo para muito desfechos quando comparado com outros fármacos. No entanto, nenhuma conclusão definitiva sobre a efetividade e segurança dos benzodiazepínicos é possível, por causa da heterogeneidade dos estudos tanto das intervenções quando das avaliações dos desfechos.

Leia o resumo na íntegra...
Contexto: 

Abuso e dependência do álcool representa um sério problema de saúde em todo o mundo com interpolações sociais, interpessoais e legais. Benzodiazepínico tem sido amplamente utilizado para o tratamento de sintomas de abstinência do álcool. Além disso, não está claro se diferentes benzodiazepínicos e diferentes esquemas de administração podem ter os mesmos efeitos.

Objetivos: 

Avaliar a efetividade e segurança de benzodiazepínicos no tratamento de abstinência de álcool.

Estratégia de busca: 

Cochrane Drugs and Alcohol Group' Register of Trials (Dezembro de 2009), PubMed,  EMBASE,  CINAHL (Janeiro de 1966 a Dezembro de 2009), EconLIT (1969 a Dezembro de 2009). Pesquisas paralelas em websites sobre avaliação de tecnologia em saúde e agências relacionadas, e suas bases de dados.

Critérios de seleção: 

Ensaios clínicos controlados e randomizados examinando a efetividade, segurança e risco-benefício de benzodiazepínicos na comparação com placebo ou outros tratamentos farmacológicos e entre eles mesmos. Todos os pacientes foram incluídos independente da idade, gênero, nacionalidade, e terapia ambulatorial ou de internação.

Coleta dos dados e análises: 

Dois autores selecionaram e extraíram dados dos estudos, de forma independente.

Resultados principais: 

Sessenta e quatro estudos, 4309 participantes, preencheram os critérios de inclusão.

- Comparando benzodiazepínicos versus placebo, benzodiazepínicos teve um melhor desempenho em convulsões, 3 estudos, 324 participantes, RR 0,16 (0,04 a 0,69), não houve diferença estatisticamente significante para os outros desfechos considerados.

- Comparando benzodiazepínicos versus outros fármacos, houve uma tendência em favor dos benzodiazepínicos para convulsões e controle de delírios, efeitos adversos graves e potencialmente fatais, desistências, desistências devido aos efeitos adversos e avaliação global do paciente. Uma tendência em favor do grupo controle foi observado para o score CIWA-Ar após 48 horas e no final do tratamento. Os resultados alcançaram significância estatística somente em um estudo, com 61 pacientes, resultados da escala de avaliação de ansiedade de Hamilton favoreceu o grupo controle DM -1,60 (-2,59 a -0,61).

- Comparando diferentes benzodiazepínicos entre eles mesmos, resultados não atingiram significância estatística, mas o clordiazepóxido teve um desempenho melhor.

- Comparando benzodiazepínico mais outro fármaco versus outro fármaco, resultados não atingiram significância estatística.

- Na comparação de esquemas fixos versus esquemas baseados nos sintomas, resultados de um único estudo, com 159 participantes, favoreceu os esquemas baseados nos sintomas DM -1,10 (-3,27 a 1,07) para score CIWA-Ar no final do tratamento. Diferenças em ensaios isolados devem ser interpretadas cuidadosamente.

Notas de tradução: 

Notas de tradução CD005063.pub3

Tools
Information
Share/Save