Medicamentos para reduzir o ferro em pessoas com acidente vascular cerebral (AVC) agudo

Introdução

A lesão cerebral após o AVC é complexa e consiste tanto em lesão direta como tardia. Uma alteração nos níveis locais de ferro pode estar relacionado a lesão cerebral tardia. Portanto, limitar a toxicidade do ferro é um alvo potencial no tratamento de pessoas com AVC. Medicamentos quelantes de ferro são capazes de ligar o excesso de ferro no sangue e no tecido local e podem reduzir o acúmulo de ferro e a lesão cerebral relacionada com o ferro. Em estudos com animais, medicamentos quelantes de ferro mostraram proteger as células cerebrais após a ocorrência de AVC.

Período de pesquisa

Pesquisa atualizada a 2 de setembro de 2019.

Características do estudo

Identificamos dois ensaios, com 333 participantes no total, que investigaram a eficácia do tratamento com quelantes de ferro (deferoxamina) nos bons resultados clínicos em doentes com AVC agudo. Ambos os ensaios estudaram o efeito em pessoas que tiveram hemorragia no cérebro, um subgrupo do AVC agudo.

Resultados principais

Com a limitação de que os estudos não puderam ser agrupados, os dados não mostraram qualquer diferença no bom resultado neurológico entre os grupos. Ambos os estudos reportaram que a administração de deferoxamina era segura. A formação de edema à volta do hematoma foi ligeiramente reduzida no grupo deferoxamina em um estudo, mas não no outro.

Grau de confiança na evidência:

A certeza da evidência para o uso de deferoxamina para a melhoria do resultado neurológico na hemorragia intracerebral espontânea é baixa. Baseia-se em dois pequenos estudos com curto seguimento e com diferenças na medição dos resultados. Evidência limitada estava disponível sobre os efeitos adversos. O valor agregado do tratamento quelante de ferro em pessoas com AVC isquémico ou hemorragia subaracnoideia permanece desconhecido.

Notas de tradução: 

Traduzido por: Mariana Alves, Serviço Medicina III, Hospital Pulido Valente, Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte, com o apoio da Cochrane Portugal.

Tools
Information
Share/Save