O efeito de aplicação da pressão da cricóide durante sequencia de indução rápida de anestesia geral

Introdução

Sequência de indução rápida (SIR) é uma técnica usada por médicos de cuidados críticos, principalmente anestesistas, médicos de terapia intensiva e emergencistas, quando há necessidade de estabelecer uma via aérea segura e patente para anestesia geral e que o paciente esteja em risco de vomitar o conteúdo do estômago para a via aérea e daí para os pulmões. Conteúdo do estômago nos pulmões pode causar infecção e em casos graves, morte. Pressão cricóide é uma técnica em que a pressão é colocada sobre uma área de tecido ósseo, como no pescoço para achatar o esôfago (tubo que liga a boca até ao estômago). Isto destina-se a prevenir a vômitos do conteúdo do estômago. A aplicação de pressão cricóide para este fim é muito comum. No entanto, é uma prática controversa como alguns médicos e pesquisadores acreditam que seja ineficaz. Ela também pode interferir com a visão do clínico das vias aéreas do paciente.

Características do estudo

Nossa estratégia de busca foi desenhada para identificar ensaios clínicos controlados randomizados (ECCRs) nos quais SIR foi desenhada para assegurar via aérea artificial para anestesia geral com ou sem aplicação de pressão cricóide. Vômito ou regurgitação de conteúdo do estômago durante anestesia foi acessado ou por pesquisa direta de via aérea ou por métodos de laboratório e imagem (radiológico) Nós também procuramos determinar se a aplicação de pressão na cricóide causou algum dano.

Resultados chave

Nós buscamos a base de dados até Maio de 2015 Apenas um ECCR preencheu o critério de inclusão mas infelizmente este ensaio não reportou resultados clínicos relevantes. Nós classificamos outros ensaios clínicos como em andamento. Os pesquisadores tinham relatado o seu protocolo de planejamento para ensaio clínico, onde pressão aplicada a cricóide utilizando força mensurada será comparada com pressão na cricóide sem mensuração da força. O número de pacientes que vomitaram é para ser monitorizada.

Qualidade da evidência

A revisão sistemática não demonstrou evidência de efetividade e de riscos da pressão cricóide durante SIR para intubação Pouco se pode dizer, assim, se esta técnica deve ser continuada na prática clínica. Um estudo atual em andamento se mostra promissor de que possa fornecer infomação útil no futuro.

Conclusão dos autores: 

Não existe atualmente, informação disponível de ECCRs publicados de relevância clínica relacionados com a aplicação de pressão cricóide durante SRI no contexto de intubação endotraqueal. Com base nos achados de literatura não-ECCRs, contudo, pressão cricóide pode não ser necessária para realizar uma SRI de forma segura, e assim, ECCRs bem planejados devem ser encorajados para avaliar a segurança e efetividade da pressão cricóide.

Leia o resumo na íntegra...
Contexto: 

Sequência de indução rápida (SIR) para intubação endotraqueal é uma técnica amplamente utilizada por anestesistas, emergencistas e médicos de terapia intensiva para assegurar a via aérea em pacientes com risco de aspiração pulmonar. Pressão da cricóide é conceitualmente usada para reduzir o risco de aspiração pela compressão do esôfago.

Objetivos: 

Identificar e avaliar todos os ensaios clínicos controlados randomizados (ECCRs) envolvendo participantes submetidos ao manuseio, eletivo ou de urgência, da via aérea pela SIR e comparar participantes nos quais foram administrados pressão na cricóide com participantes nos quais esta técnica não foi aplicada.

Estratégia de busca: 

Buscamos Cochrane Central Register of Controlled Trials (CENTRAL 2015, Edição 4), MEDLINE via OvidSP (1946 a Maio 2015), EMBASE via OvidSP (1980 a Maio 2015), ISI Web of Science (de 1940 a Maio 2015) e CINAHL via EBSCOhost (1982 a Maio 2015).

Critérios de seleção: 

Nós incluimos todos os ECCRs comparando pessoas submetidas a SIR que tiveram pressão aplicada na cricóide, ou intermitentente ou continuamente, com pessoas submetidas a SIR não submetidos a pressão cricóide no contexto de intubação endotraqueal usando técnica da laringoscopia direta. Nós incluimos tanto casos eletivos quanto emergenciais. Nós incluimos estudos com participantes cegados e não cegados. Participantes (masculino ou feminino) submetidos a qualquer tipo de procedimento com anestesia geral utilizando SRI ou manuseio emergencial de via aérea utilizado SRI foram incluídos. Nós esperamos que o grupo controle fose a ausência de de pressão cricóide em qualquer estágio durante SRI. O desfecho primário de interesse foi o relato de taxa de evento ou prevalência de aspiração determinada por: a) aspiração gástrica determinada pela inspeção de conteúdo gástrico pela laringoscopia; b) detecção de pepsina no aspirado gástrico utilizando o método de Ufberg; c) alterações radiográficas pós-anestésicas sugestivas de pneumonite de aspiração ou d) qualquer combinação de a com c. Desfechos secundários de interesse incluiram tentativa do laringoscopista pela inadequada visualização da via aérea, pressão exercida durante a pressão da cricóide, a direção da aplicação da força sobre a cricóide, fatores de risco independentes para aspiração e se a pessoa aplicando a pressão sobre a cricóide já havia realizado esta técnica em outro contexto de emergência de via aérea.

Coleta dos dados e análises: 

Dois revisores independentemente avaliaram os títulos e resumos de todos os estudos obtidos na pesquisa utilizando reconhecimento de palavras tais como "pressão cricóide", "sequência rápida para intubação", "manuseio emergencial de via aérea" e "aspiração" Dois autores independentemente determinaram critérios de inclusão, usando um formulário de elegibilidade do estudo, que nós desenvolvemos para esta revisão. Nós também repotamos as decisões em relação a inclusão e exclusão de acordo com os itens de comunicação preferidos para revisões sistemáticas e meta-análises (PRISMA) Assumimos que estudos que não descreveram o uso de ISR em seu título, resumo ou o método usaram método alternativo de indução anestésica ou manuseio das vias de emergência e, portanto, foram excluídos. Resultados extraídos dos estudos incluidos consideraram características do estudo, participação demográfica, intervenção e comparação dos desfechos e resultados. Contactamos autores principais dos estudos com dados relevantes potenciais, que foram perdidos ou que não foram relatados, para obtê-los.

Resultados principais: 

Dos 493 artigos que nós identificamos no banco de dados com resultado de pesquisa (excluindo duplicatas), nós registramos 70 resumos/títulos, como estudos de potencial relevância. Análise criteriosa e independente destes 70 títulos e resumos, identificaram 29 estudos potencialmente relevantes. Dos 29 estudos potencialmente relevantes, um estudo apresentou critério para inclusão. Este estudo foi um ECCR que comparou participantes submetidos a SRI e intubação endotraqueal no contexto de cirurgia eletiva submetida a anestesia geral. Quarenta participantes foram recrutados, 20 dos quais tiveram pressão cricóide aplicada e 20 que tiveram simulação de aplicação de pressão cricóide. Os principais desfechos relatados foram pressão arterial sistólica e frequência cardíaca depois da laringoscopia e intubação traqueal. Nós não consideramos estes desfechos relevantes para o propósito desta revisão sistemática. A busca também identificou um estudo que poderia potencialmente ser incluido em uma revisão sistemática atualizada no futuro mas à época desta pesquisa era apenas uma proposta de ensaio clínico e não tinha resultados relatados até o momento.

Notas de tradução: 

Tradução da Unidade de Medicina Baseada em Evidências da Unesp, Brazil (Sócrates Pereira Silva) Contato: portuguese.ebm.unit@gmail.com Translation notes: CD011656

Tools
Information
Share/Save