Intervenções para aumentar o registo de dadores de órgãos sólidos

Qual é o problema?

Existe uma necessidade global de aumentar o número de órgãos disponíveis para transplantação. Uma estratégia possível é encorajar mais indivíduos a inscreverem-se como dadores de órgãos.

O que fizemos?

Para avaliar esta questão, identificámos 46 estudos que testaram várias estratégias para incentivar as pessoas a inscreverem-se como dadoras de órgãos. Dezasseis estudos avaliaram a inscrição real, 27 estudos mediram a intenção das pessoas se inscreverem/doarem e três estudos mediram ambos.

O que descobrimos?

Os estudos foram realizados em contextos muito diferentes, incluindo escolas, centros de veículos motorizados, cuidados primários e na comunidade local. Os estudos usaram estratégias muito diferentes para aumentar a inscrição, tais como educação, ensino de líderes na comunidade, ensino em centros de veículos motorizados ou de equipas de cuidados primários e ainda enquadramento de informação sobre doação de órgãos.

Descobrimos que os estudos obtiveram um efeito global reduzido na intenção das pessoas se inscreverem/doarem bem como nas taxas reais de inscrição. No entanto, nenhuma estratégia em particular se destacou como sendo mais eficaz do que as outras. Houve evidência encorajadora de que o ensino de líderes na comunidade para fornecer educação sobre doação de órgãos pode melhorar as taxas de inscrição e de que a educação em sala de aula de membros da comunidade de transplantes pode melhorar a intenção de inscrição/doação. Também se detetou alguma evidência de que enquadrar as informações de doação de órgãos pode ajudar a aumentar a intenção das pessoas se inscreverem/doarem, mas são necessários mais estudos.

Conclusões

Em resumo, as estratégias para aumentar a inscrição de dadores de órgãos têm algum benefício, mas variam consideravelmente em termos do contexto em que são realizadas, a quem se destinam e como são implementadas.

Notas de tradução: 

Traduzido por: Miguel Bigotte Vieira, Serviço de Nefrologia, Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central, com o apoio da Cochrane Portugal

Tools
Information
Share/Save