Clonazepam para a dor neuropática e fibromialgia em adultos

Os nervos que tenham sido danificadas por lesão ou doença podem continuar a produzir dor. Este tipo de dor é chamado de dor neuropática. Alguns medicamentos antiepilépticos pode ajudar a dor neuropática. Clonazepam é um medicamento anti-epiléptico, e o objetivo desta revisão foi avaliar como clonazepam é eficaz para a dor neuropática e fibromialgia. Nós não identificamos nenhum estudo de boa qualidade de clonazepam utilizados nesta situação. Dependência e tolerância podem ocorrer com o uso prolongado, embora seja um problema menos frequente com clonazepam do que muitos outros fármacos da mesma classe (benzodiazepínicos), e desinibição comportamental tem sido reportado em alguns doentes com problemas psiquiátricos. Baseado na evidência atual, clonazepam não pode ser recomendado para o tratamento de dor neuropática. Outros fármacos anti-epilépticos, tais como a pregabalina, gabapentina e carbamazepina têm demonstrado ser de valor na dor neuropática.

Conclusão dos autores: 

Esta revisão não revelou evidência de qualidade suficiente para apoiar o uso de clonazepam na dor neuropática crônica ou fibromialgia.

Leia o resumo na íntegra...
Contexto: 

Drogas antiepilépticas têm sido utilizadas no tratamento da dor desde 1960; alguns têm mostrado eficácia no tratamento de diferentes condições de dor neuropática. O clonazepam, um benzodiazepinico, é um fármaco anti-epiléptico estabelecido, mas o seu lugar no tratamento da dor neuropática não é claro.

Objetivos: 

Avaliar a eficácia analgésica e efeitos adversos do clonazepam na dor neuropática e fibromialgia.

Estratégia de busca: 

Buscamos no Cochrane Central Register of Controlled Trials (CENTRAL) (The Cochrane Library 2012, Edição 2). MEDLINE, e EMBASE em 28 de Fevereiro de 2012, juntamente com listas de referências de artigos e comentários recuperados e ClinicalTrials.gov.

Critérios de seleção: 

Nós planejamos incluir estudos randomizados, duplo-cego de oito semanas de duração ou mais, comparando clonazepam com placebo ou outro tratamento ativo na dor neuropática crônica ou fibromialgia.

Coleta dos dados e análises: 

Dois autores da revisão, independentemente, iriam extrair os dados para eventos de eficácia e efeitos adversos, e examinar questões de qualidade do estudo.

Resultados principais: 

Nós não identificamos quaisquer estudos que satisfaziam os critérios de inclusão.

Notas de tradução: 

Traduzido por: Vaniely Kaliny Pinheiro de Queiroz, Unidade de Medicina Baseada em Evidência da Unesp, Brazil. Contato: portuguese.ebm.unit@gmail.com

Tools
Information
Share/Save