Corticoides inalatórios versus beta2-agonistas de longa duração para o tratamento da doença pulmonar obstrutiva crônica

A inalação com corticoides, com beta2-agonistas de longa duração (BALD) ou com ambos remédios combinados no mesmo inalador, é usada para tratar pessoas que sofrem de doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) grave. No entanto, ainda não se sabe quais são os benefícios e malefícios dos dois tipos de remédios usados separadamente.

Nós buscamos estudos (ensaios clínicos) que compararam os dois tipos de inaladores para descobrir os efeitos de cada um na saúde e no bem-estar dos pacientes com DPOC. Nós encontramos sete estudos (envolvendo 5.997 participantes) comparando os benefícios em longo prazo e os efeitos colaterais da inalação de corticoides e dos BALD para o tratamento da DPOC. No geral, não foi encontrada diferença significativa entre os dois medicamentos no número de pessoas que tiveram uma exacerbação (agravamento dos sintomas da DPOC). Mais pessoas que tomaram corticoides inalatórios tiveram pneumonia em comparação com as pessoas que utilizaram os BALD,embora a ocorrência de pneumonia tenha sido extremamente rara em ambos os grupos. Os corticoides inalatórios não melhoraram a função pulmonar tanto quanto os BALD. Por outro lado, os corticoides melhoraram mais a qualidade de vida dos pacientes do que os BALD. As diferenças na função pulmonar e qualidade de vida foram relativamente pequenas.

Conclusão dos autores: 

Estudos controlados com placebo estabeleceram os benefícios do uso isolado dos BALD e dos corticoides inalatórios para pacientes com DPOC. Esta revisão, que incluiu estudos contendo comparações entre os BALD e corticoides inalatórios, mostrou que as duas terapias conferem benefícios semelhantes para a maioria dos desfechos, incluindo a frequência das exacerbações e mortalidade. O uso de BALD parece conferir um pequeno benefício adicional em termos de melhorias na função pulmonar em comparação com os corticoides inalatórios. Por outro lado, os corticoides inalatórios têm uma pequena vantagem sobre os BALD em termos de qualidade de vida relacionada à saúde, porém os corticoides inalatórios também aumentam o risco de pneumonia. Esta revisão apoia as diretrizes atuais que preconizam os BALD como terapia de primeira linha para o tratamento da DPOC, com o uso regular da corticoides inalatórios como terapia adjuvante em doentes com exacerbações frequentes.

Leia o resumo na íntegra...
Contexto: 

Os beta2-agonistas de longa duração (BALD) e os corticoides inalatórios podem ser usados como tratamento de manutenção em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) moderada a grave. Esses medicamentos são frequentemente administrados juntos em um mesmo inalador (inalador combinado). No entanto, o benefício individual de cada um dos medicamentos não está claro.

Objetivos: 

Avaliar os efeitos relativos do uso inalatório de corticoides em comparação com beta2-agonistas longa ação (BALD) sobre desfechos clínicos de pacientes com DPOC estável.

Estratégia de busca: 

Foram realizadas pesquisas na Cochrane Airways Group Specialised Register of trials (busca mais recente em agosto de 2011) e nas listas de referências dos artigos.

Critérios de seleção: 

Foram incluídos ensaios clínicos randomizados controlados comparando corticoides e BALD usados de forma inalatória no tratamento de pacientes com DPOC estável.

Coleta dos dados e análises: 

Três autores avaliaram independentemente os estudos para inclusão e, em seguida, extraíram os dados sobre a qualidade do estudo, os desfechos do estudo e eventos adversos. Os autores dos estudos foram contatados para obtenção de informações adicionais.

Resultados principais: 

Foram identificados sete ensaios clínicos randomizados (5.997 participantes) de boa qualidade, com uma duração de seis meses a três anos. Todos os estudos compararam inaladores combinados de corticoides/BALD versus a inalação de corticoides e BALD de forma individual. Quatro desses estudos incluíram fluticasona e salmeterol como monocomponentes e os três estudos restantes incluíram budesonida e formoterol como monocomponentes. Não houve diferença estatisticamente significativa entre os corticoides e os BALD em relação ao desfecho primário, que era o número de pacientes com exacerbações: razão de chances (OR) 1,22; IC 95% 0,89 - 1,67. Também não houve diferença significante na taxa de exacerbações por paciente por ano: risco relativo (RR) 0,96; IC 95% 0,89 - 1,02.A incidência de pneumonia, nosso outro desfecho primário, foi significativamente maior entre os pacientes em uso de corticoides inalatórios do que naqueles em uso de BALD,independentemente de esse evento ser classificado como um evento adverso (OR 1,38; IC 95% 1,10 - 1,73) ou um evento adverso grave (Peto OR 1,48; IC 95% 1,13 - 1,93). Quanto aos desfechos secundários, a mortalidade foi maior nos pacientes em uso de corticoides inalatórios em comparação com pacientes tratados com BALD(Peto OR 1,17; IC 95% 0,97 - 1,42), embora essa diferença não tenha sido estatisticamente significativa. Os pacientes tratados com BALD tiveram maior melhora no FEV1 antes do uso do broncodilatador do que os pacientes tratados com corticoides inalatórios: diferença média (DM) 18,99 mL; IC 95% 0,52 - 37,46. Por outro lado, os pacientes tratados com corticosteroides tiveram uma melhora superior na qualidade de vida relacionada à saúde do que os pacientes tratados com BALD: DM de pontuação no St George's Respiratory Questionnaire (SGRQ) -0,74; IC 95% -1,42 a -0,06). Em ambos os casos, as diferenças foram estatisticamente significantes, mas relativamente pequenas em magnitude. Não houve diferenças estatisticamente significativas entre os corticoides e os BALD para os seguintes desfechos: número de internações hospitalares devido a exacerbações, número de exacerbações leves, pico de fluxo expiratório, dispneia, escores de sintomas, uso de medicação de resgate, eventos adversos, internação por qualquer motivo, ou abandono de pacientes dos estudos.

Notas de tradução: 

Tradução do Centro Cochrane do Brasil (Aline de Gregori Adami). Contato: tradutores@centrocochranedobrasil.org.br

Tools
Information
Share/Save