Intervenções para tratamento da pálpebra inferior virando para dentro no idoso

Entrópio é a viragem da pálpebra para dentro, causando fricção dos cílios e da pele da pálpebra contra a superfície do olho. É uma das formas mais comuns de problemas palpebrais em pessoas idosas e mais frequentemente envolve a pálpebra inferior. Nos estágios iniciais nem todas as pessoas necessitam de tratamento, mas, eventualmente o movimento do olho ou da pálpebra causa trauma na superfície corneana podendo levar a infecção e ulceração com prejuízo da visão. Cirurgia na forma de apertar a pálpebra horizontal ou verticalmente é necessária quando a condição é grave e provoca trauma na córnea. Os autores do estudo procuraram na literatura médica e encontraram um único ensaio clínico que preencheu os critérios de inclusão da revisão. Sessenta e três participantes com entrópio de pálpebra inferior foram inscritos e randomizados em dois grupo, o de somente sutura de eversão e suturas de eversão com 'strip' tarsal lateral. Oito participantes perderam o seguimento. O ensaio clínico mostrou que a combinação de tensão horizontal e vertical com suturas de eversão mais 'strip' trasal lateral é mais eficiente para entrópio quando comparado à tração vertical com sutura de eversão somente. Pesquisas futuras são necessárias para fornecer uma maior evidência para comparação dos tratamentos cirúrgicos para correção da viragem da pálpebra inferior para dentro.

Conclusões dos autores: 

Um único ECCRs mostrou que a combinação de pálpebra horizontal e vertical de aperto com suturas de eversão e 'strip' tarsal lateral é altamente eficiente para entropio comparado com apenas aperto vertical com emersão suturas. Estudos de série de casos retrospectivos também suportam a reparação cirúrgica combinada mas os detalhes destes estudos sobre as técnicas cirúrgicas específicas não podem ser incluídos na análise.

Evidências de um único ECCR não deve mudar a prática clínica e, portanto, ainda é nossa visão de que há uma clara necessidade de mais estudos randomizados comparando duas ou mais técnicas cirúrgicas para cirurgia de entrópio abordando a taxa de recorrência e complicações.

Leia o resumo na íntegra
Introdução: 

Entrópio é uma condição na qual a margem da pálpebra gira em relação ao globo ocular. Entrópio involucional ou senil é uma das malposições da pálpebra inferior mais comum em idosos. As intervenções descritas e utilizadas atualmente para o tratamento desta condição são cirúrgicos naturalmente, embora o tratamento médico não cirúrgico temporário para os estágios iniciais do entrópio têm sido relatados. A eficácia relativa destas intervenções ainda não estão resolvidas

Objetivos: 

Examinar o efeito das intervenções para entrópio involutiva e para avaliar se algum método é superior a qualquer outro.

Estratégia de busca: 

Buscamos no CENTRAL (o qual contém o Cochrane Eyes and Vision Group Trials Register) ((The Cochrane Library 2012, Edição 6), MEDLINE (Janeiro de 1950 a Junho de 2011), EMBASE (Janeiro de 1980 a Junho de 2011), Latin American and Caribbean Literature on Health Sciences (LILACS) (Janeiro de 1980 a Junho de 2011), the metaRegister of Controlled Trials(mRCT)(www.controlled-trials.com), ClinicalTrials.gov (www.clinicaltrials.gov ) e o WHO International Clinical Trials Registry Platform (ICTRP)(www.who.int/ictrp/search/en). Não foram utilizadas quaisquer restrições de data ou de idioma nas buscas eletrônicas dos ensaios clínicos. As bases de dados eletrônicas foram pesquisadas até o dia 2 de Novembro de 2011. Nós também procuramos livros plástica ocular, anais de conferências da Sociedade Europeia e Americana de Oftalmologia Cirurgia Plástica e Reconstrutiva (ESOPRS, ASOPRS), Sociedade Oftalmológica Europeia (SOE), a Associação para Pesquisa em Visão e Oftalmologia (ARVO) e da Academia Americana de Oftalmologia (AAO) para os anos de 2000 a 2009 para identificar dados relevantes. Tentamos contactar os pesquisadores que atuam neste campo para obter informações sobre mais estudos publicados ou não.

Critérios de seleção: 

Foram incluídos ensaios clínicos controlados randomizados (ECCRs) sem restrição de data ou idioma comparando dois ou mais métodos cirúrgicos para correção de entrópio involucional da pálpebra inferior em pessoas com mais de 60 anos de idade com entrópio involucional palpebral.

Coleta dos dados e análises: 

Cada revisor avaliou, de forma independente, resumos de estudos identificados a partir das buscas eletrônicas e manuais. As análises do autor foram então comparada e trabalhos completos para estudos apropriados foram obtidos de acordo com os critérios de inclusão. Os dados discordantes entre os autores foram resolvidos mediante discussão.

Principais resultados: 

Identificamos um ECCRs que preencheu os critérios de inclusão e foi incluído nesta revisão. Sessenta e três participantes com entrópio primário involucional da pálpebra inferior foram randomizados para eversão de suturas sozinho ou eversão de suturas com uma 'strip' tarsal lateral. Oito participantes perderam o seguimento. O ensaio clínico indica que o procedimento combinado de tensão horizontal e vertical da pálpebra sob a forma de suturas de eversão e 'strip' trasal lateral é altamente curativa para entropion involucional comparada com apenas aperto vertical na forma de emersão de suturas. A superioridade da abordagem combinada é também apoiada por muitos estudos não controlados de boa qualidade em procedimentos cirúrgicos específicos, mas estes não foram incluídos na análise, pois não faziam parte dos critérios de inclusão.

Notas de tradução: 

Tradução da Unidade de Medicina Baseada em Evidências da Unesp, Brazil (Laryssa Kataki de Oliveira Veloso) Contato: portuguese.ebm.unit@gmail.com Translation notes: CD000000

Tools
Information
Compartilhar/salvar